Sistema de Gestão Integrado

Entenda qual o melhor sistema de gestão para sua empresa

Encontre a solução ideal para o seu negócio

Entenda qual o melhor sistema de gestão para sua empresa

Os sistemas Resulth da ATS acompanham o crescimento das atividades da sua empresa. São sistemas integrados, de rápida implementação, fácil utilização e excelente custo-benefício.

Solicite um orçamento

Encontre a solução ideal para o seu negócio

Entenda qual o melhor sistema de gestão para sua empresa

Agilize e simplifique as operações da sua empresa com as soluções ATS. Elas vão ajudar você nos principais desafios do dia a dia da sua gestão.

Solicite um orçamento
BLOG

Black Friday para varejo: 6 passos para aproveitar a data promocional

Tempo de leitura: 4 minutos
A Black Friday é uma grande oportunidade para seu negócio obter lucros bastante satisfatórios. Hoje em dia, devido a sua importância, ela tem que entrar […]
Black Friday para varejo: 6 passos para aproveitar a data promocional
Equipe ATS
Equipe ATS
Tempo de leitura: 4 minutos

A Black Friday é uma grande oportunidade para seu negócio obter lucros bastante satisfatórios. Hoje em dia, devido a sua importância, ela tem que entrar no planejamento das datas comerciais de fim de ano, como Natal, recebimento do décimo terceiro e chegada do ano novo. Cada uma tem seu público específico com objetivos diferentes na hora de comprar.

No post de hoje, focaremos na Black Friday, sua história de sucesso com os brasileiros e daremos dicas de como aproveitá-la ao máximo.

Black Friday: uma oportunidade imperdível para os varejistas

A Black Friday se consolidou no Brasil como uma das datas de maior relevância para o varejo na temporada promocional de fim do ano, impulsionada pela confiança crescente dos brasileiros nos descontos oferecidos no período.

Apesar de, no Brasil, a data ser focada no e-commerce, as vendas online têm reflexo direto no movimento do comércio nas cidades. A Serasa Experian estima que, em 2018, as compras nas lojas de rua e shopping centers durante a semana da Black Friday aumentaram 6,2% em relação à edição anterior. 

A Black Friday também é multicanal. Segundo uma pesquisa da Provokers encomendada pela Google, 25% dos consumidores usarão mais de um canal de vendas para fazer as compras — seja físico, online, televendas ou catálogo; ano passado, esse número foi de 7%. Os dados sugerem que a Black Friday no Brasil caminha para se tornar um evento omnichannel, beneficiando também o varejo de rua.

Mas, para que sua loja fature mais, não basta esperar a data chegar e oferecer descontos improvisados de última hora. É necessário planejar com meses de antecedência para que a ocasião seja um sucesso. Confira a seguir um guia para você ter sucesso na empreitada.

Como lucrar na Black Friday: 6 dicas  

1 – Prepare o seu estoque para a alta da demanda 

Um dos fatores que indicam o amadurecimento da Black Friday no Brasil é a preparação dos varejistas em relação ao estoque. Os consumidores não esperam apenas preços baixos, mas produtos com pronta entrega e agilidade no envio. Esse foi um dos fatores de sucesso da última Black Friday.

Uma gestão logística correta pode determinar o sucesso ou fracasso total nos lucros de um negócio durante um período promocional. Após decidir quais produtos terão os descontos, é preciso negociar sua disponibilidade com os fornecedores e, inclusive, pleitear preços mais baixos, ampliando a margem de abatimento dos preços.

A concorrência também estará de olho em muitos desses itens, então, meses antes, abasteça seu estoque com eles. Você também pode ver em seu sistema de gestão empresarial quais mercadorias estão com as vendas estagnadas e aproveitar esse momento ideal para fazer a queima de estoque. 

2 – Abra diversos canais para facilitar a compra do seu cliente

A Black Friday de 2019, segundo todas as previsões, será o triunfo do omnichannel. É aqui que o conhecimento da jornada do consumidor fará toda a diferença. Segundo a pesquisa encomendada pela Google, dois em cada três brasileiros pesquisam sobre os produtos de seu interesse na internet antes de aproveitar a promoção no varejo físico.

Portanto, esteja presente em quantos canais puder e integre-os da maneira mais fluida possível para que o consumidor possa fazer a compra na sua loja do jeito que desejar. Além disso, dê poder para que os vendedores fechem compras e tirem dúvidas dos clientes em quaisquer canais, seja telefone, redes sociais ou dentro da própria loja. Um ERP pode ajudar nessa tarefa, uma vez que o programa fornece níveis de acesso customizáveis para cada funcionário.

As lojas físicas devem preparar seus catálogos e encartes impressos ou eletrônicos com bastante antecedência para que, no dia da promoção, as ofertas estejam atualizadas em relação aos produtos no estoque.

3 – Pacotes-surpresa: aumente as vendas provocando a curiosidade dos clientes

Os pacotes-surpresa constituem uma tática com dois objetivos: primeiro, aumentar o tíquete médio de cada compra; segundo, colocar em circulação produtos com pouco giro. Além de despertarem a curiosidade, os pacotes dão aos clientes a sensação de que fizeram um ótimo negócio ao comprar produtos selecionados pela loja por um preço bastante reduzido.

Em um pacote misterioso, os itens não são revelados na oferta, apenas algumas características. A vantagem para o consumidor, contudo, é o desconto substancial em itens de alto valor agregado. Essa tática pode ser otimizada com um trabalho de marketing nas redes sociais, revelando a “identidade” de alguns produtos do pacote em horários estratégicos, por exemplo.

Você pode colocar nos pacotes uma mistura de produtos de ponta com outros que têm pouca saída ou mesmo versões anteriores. O importante é deixar o cliente satisfeito tanto com a economia quanto com o mix de itens selecionados pela loja. 

4 – Ofereça brindes na realização de compras 

Presentes grátis ao realizar compras sempre encantam. Na Black Friday, então, existem motivos de sobra para oferecê-los. Eles podem acompanhar ou substituir os descontos, podem tirar itens que estão estagnados no estoque, ou fazer o cliente experimentar um produto novo. É importante, mais uma vez, citar que o conhecimento acerca de quem compra seus produtos é essencial para despertar o interesse nessas ofertas.

5 – Proporcione ao cliente a possibilidade de contribuir para uma causa nobre 

Faça uma parceria com uma instituição que apoie uma causa nobre e informe ao seu cliente que parte dos lucros obtidos com a venda de determinados produtos serão destinados a quem precisa. Nem sempre a maior recompensa para alguém é um presente ou desconto, mas pode ser a sensação de contribuir para uma sociedade melhor. Lembre-se de associar-se a causas que estejam de acordo com os valores prezados e demonstrados pela sua empresa.

6 – Garanta agilidade no checkout 

Nesse estágio da compra, é possível ter altas taxas de conversão oferecendo outros produtos relacionados e mais baratos, e ainda, recompensas, como brindes, descontos progressivos e promoções. Assim, fica fácil o cliente sair da loja comprando mais do que o planejado, com essa ótima estratégia de compra por impulso. Também é importante oferecer diversos meios de pagamento para que o cliente não encontre obstáculos ao fechar a compra.

 

O varejo conseguiu se adaptar ao longo dos anos e incorporou a última sexta-feira de novembro ao calendário do comércio, oferecendo descontos vantajosos e atraindo novos clientes com estratégias cada vez mais ousadas. A Black Friday brasileira não é apenas uma forma de desencalhar o estoque, mas uma oportunidade para as empresas conquistarem e fidelizarem consumidores.

 

Não tem como conduzir uma campanha antes e durante a Black Friday sem uma gestão eficiente. Baixe gratuitamente nosso eBook Gestão para PME e aprenda a usar indicadores para otimizar os resultados do seu negócio.

COMUNIDADE ATS

Junte-se a mais de 25 mil profissionais de PMEs

Receba dicas e materiais exclusivos para melhorar a gestão de PMEs. Faça parte da comunidade.