Sistema de Gestão Integrado

Entenda qual o melhor sistema de gestão para sua empresa

Encontre a solução ideal para o seu negócio

Entenda qual o melhor sistema de gestão para sua empresa

Os sistemas Resulth da ATS acompanham o crescimento das atividades da sua empresa. São sistemas integrados, de rápida implementação, fácil utilização e excelente custo-benefício.

Solicite um orçamento

Encontre a solução ideal para o seu negócio

Entenda qual o melhor sistema de gestão para sua empresa

Agilize e simplifique as operações da sua empresa com as soluções ATS. Elas vão ajudar você nos principais desafios do dia a dia da sua gestão.

Solicite um orçamento
BLOG

Estratégias de precificação para alavancar o seu negócio

Tempo de leitura: 4 minutos Nós entendemos que saber precificar um produto é uma medida de grande peso para gerar lucro, competitividade e fazer a sua empresa ter um grande […]
Estratégias de precificação para alavancar o seu negócio
Equipe ATS
Equipe ATS
Tempo de leitura: 4 minutos

Nós entendemos que saber precificar um produto é uma medida de grande peso para gerar lucro, competitividade e fazer a sua empresa ter um grande diferencial no mercado. Mas também sabemos que muitas pessoas possuem dúvidas quanto ao assunto.

Quando você demanda de estratégias eficientes e práticas, a margem da rentabilidade e lucratividade de sua empresa tende a aumentar em níveis quase que imensuráveis. Mas, quais estratégias são demandadas para uma precificação de qualidade?

No post de hoje, trazemos até você dicas eficazes para te ajudar a traçar estratégias auspiciosas para precificar, com maior segurança e assertividade, os produtos de sua loja. Confira a seguir!

Elementos bases para a formação de preços

Antes de formar o preço das mercadorias ou serviços é preciso conhecer os 3 elementos base que formam o preço, entenda mais:

Custos variáveis ou diretos:

Assim são chamados porque acabam variando de forma direta de acordo com a quantidade de vendas dos produtos ou serviços. Por exemplo: um eletricista autônomo tem custos com o transporte, o material de trabalho e, às vezes, até mesmo com alimentação.

Lembrando ainda que impostos e comissões de vendedores também fazem parte dos custos variáveis.

Custos fixos ou indiretos:

Os custos fixos não tendem a sofrer variações em relação ao volume de produção. Mas, é importante frisar que, embora não variem devido à quantidade de produção, tais custos podem aumentar ou diminuir.

Os custos fixos associam-se muito a gastos com aluguel, contas de água e luz, os salários dos funcionários e a manutenção dos equipamentos. Veja que esses custos ocorrem independentes da produção ou venda de produtos.

Lucro

O lucro diz respeito à diferença encontrada entre o faturamento das vendas e os custos fixos e variáveis. Assim, para calculá-lo basta diminuir as receitas totais dos custos.

Vejamos um exemplo:

Suponhamos que você faça a atualização de um aplicativo por 300 reais. Mas os seus gastos com transporte, mão de obra e equipamentos foram de 150 reais, o lucro final de seu serviço foi de 150 reais.

Entenda ainda que, se o preço de seu serviço não cobrir os custos que você tem para executá-lo, significa que ou seu preço está muito baixo ou os custos estão muito altos. Portanto, é preciso revisá-los para ver se há oportunidade de economizar sem perder em qualidade de serviços.

Como planejar a precificação: 5 estratégias eficazes

Considerando os elementos acima, chegou a hora de criar estratégias para precificar os seus produtos de forma segura. Confira algumas delas:

Observe o giro do produto

Quanto maior o tempo do produto em seu estoque, menor tende a ser o seu lucro. Portanto, o giro de produto tem que ser suficiente para que assim você consiga cobrir os gastos fixos e manter-se além da média.

Logo, a sua margem de lucro multiplicada pelo o giro do produto tem que ser igual ou superior às suas despesas fixas:

Margem de lucro x (giro do produto) ≥ despesas fixas

Quer ficar por dentro de outras estratégias de estocagem que podem alavancar a lucratividade e tornar sua precificação mais assertiva? Confira nosso post com 5 dicas de controle de estoque!

Agregue valor às suas mercadorias

Somente aumentar o preço não é uma tarefa eficiente para aumentar a margem de lucro. Mesmo porque, se o seu cliente achar muito caro o produto ou serviço que você oferece, dificilmente o comprará, caso não houver uma justificativa do preço, claro.

Considere sempre o melhor dos produtos, essa peça é exclusiva? Difícil de achar? O material é diferenciado? Tudo que faça do produto único e singular deve ser usado para agregar valor à mercadoria.

Aí, cabe criar uma apresentação mais atrativa, criar kits e mix de produtos e até melhorar o ponto comercial, isso com certeza é um fator que pode corroborar e muito para as suas precificação das mercadorias, posto que os preços se justificarão.

Trace a buyer persona

Conhecer o seu cliente é fundamental para começar a precificar os seus produtos, afinal, saber o que querem e quanto estão dispostos a pagar por determinada mercadoria pode te colocar a um passo à frente da concorrência.

Há clientes, por exemplo, que tendem a valorizar o conforto em detrimento da agilidade. Logo, você cuidará de todas as etapas transacionais e entregará o item pronto com o preço já fechado.

Mas, para os clientes que prezam por maior exclusividade, ou seja, visam adquirir produtos mais escassos, não sendo tão sensíveis assim ao preço, você pode oferecer produtos com maior valor de mercado. Assim, a margem de lucro pode ser melhorada com um valor de venda mais alto.

Negocie os preços dos produtos com fornecedores

A melhor forma de aumentar a margem de lucro é diminuindo gastos de aquisição dos produtos que você vende. Logo, não tem jeito, é preciso pechinchar e barganhar para negociar com os fornecedores os preços das mercadorias.

Planejar as suas compras visando aproveitar o mesmo frete ou a embalagem também é uma forma de diminuir o custo de aquisição de mercadorias e melhorar a margem de venda.

E se for factível, trace compras com parceiros, assim vocês dividem o frete e não pesa tanto assim no bolso de ninguém. Aliás, quanto maior a quantidade dos produtos comprados tão menor o custo.

Destaque em meio à concorrência

Averiguar a precificação da concorrência tentando se diferenciar e destacar é uma estratégia de grande valor. E uma boa forma de colocar essa estratégia em prática é fazendo kits de produtos.

Se o seu concorrente vende a mesma camisa que você, então destaque-se montando um conjunto. Ao dispor de mais de um produto por um único valor, você passa a impressão de que o cliente estará a ganhar, levando 2 produtos por um único e mesmo preço.

E se porventura a sua margem de lucro diminuir, o ticket médio do cliente com certeza irá aumentará.

Que tal usar essas estratégias e depois nos contar um pouquinho sobre como elas estão auxiliando na saúde de seu negócio? Para mais dicas como essa, não deixe de acompanhar as publicações semanais do Blog ATS. Aqui te mantemos informados e te damos dicas especiais para melhorar a gestão de seu empreendimento.

Até a próxima.

COMUNIDADE ATS

Junte-se a mais de 25 mil profissionais de PMEs

Receba dicas e materiais exclusivos para melhorar a gestão de PMEs. Faça parte da comunidade.